UpFlux

Cirurgia Segura: As 6 Metas de Segurança do Paciente

Surgeons performing operation in operation room at the hospital

Você já ouviu falar sobre Cirurgia Segura?

Utilizando dados do OBSERVATÓRIO 2020 da ANAHP, nos 122 hospitais membros, foram exatas 1.926.716 cirurgias em 2019. Já dados do SUS do mesmo ano mostram 2.668.265 procedimentos eletivos. Somados, são 4.594.981 de procedimentos eletivos no ano de 2019.

Dentre os procedimentos eletivos, a cirurgia bariátrica, segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, em 2018 foram de 63.969. Apesar de ser descrito como um procedimento seguro, suas taxas de complicações podem variar em torno de 1 a 2%.

Dados do ano de 2019 do OBSERVATÓRIO ANAHP 2020, mostram uma mortalidade operatória geral de 0,30% e taxa de infecções em cirurgia limpa de 0,46%. A ocorrência de eventos adversos devido à assistência insegura é provavelmente uma das 10 principais causas de morte e invalidez no mundo. Estes números indicam a importância da conscientização a respeito da Cirurgia Segura.

Diante destes números, a Organização Mundial da Saúde (OMS) em parceria com Joint Commission International (JCI), estabeleceram as 6 metas de segurança do paciente que estão estabelecidas na grande parte dos serviços de saúde.

6 Metas Internacionais da Segurança do Paciente

  1. Identificar o paciente corretamente;
  2. Melhorar a eficácia da comunicação;
  3. Melhorar a segurança dos medicamentos de alta-vigilância;
  4. Assegurar cirurgias com local de intervenção correto, procedimento correto e paciente correto;
  5. Reduzir o risco de infecções associadas a cuidados de saúde;
  6. Reduzir o risco de danos ao paciente, decorrente de quedas;

Dentre as metas de segurança vamos nos concentrar na Meta 4, que é da Cirurgia Segura.

A finalidade deste protocolo é determinar as medidas a serem implantadas para reduzir a ocorrência de incidentes e eventos adversos e a mortalidade cirúrgica, possibilitando o aumento da segurança na realização de procedimentos cirúrgicos, no local correto e no paciente correto, por meio do uso da Lista de Verificação de Cirurgia Segura desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde.

Outro importante projeto é o ACERTO (Aceleração da Recuperação Total pós-operatória). Neste protocolo diversos cuidados orientados por evidências clínicas são implementados para segurança e eficiência dos cuidados. No estudo Cuidados perioperatórios em cirurgia bariátrica no contexto do projeto ACERTO: realidade e o imaginário de cirurgiões em um hospital de Cuiabá são avaliados os cuidados perioperatórios em cirurgia bariátrica no contexto do projeto ACERTO.

O objetivo do estudo foi avaliar o conhecimento e o grau de recomendação de cirurgiões em cirurgia bariátrica quanto aos cuidados orientados pelo projeto ACERTO, garantindo a Cirurgia Segura.

Dentre os cuidados analisados, foram apontados:

Em resumo, avaliar o imaginário X realidade das melhores práticas assistenciais para a cirurgia bariátrica entre 07 cirurgiões e 200 prontuários analisados.

A conclusão foi que o projeto ACERTO para pacientes de cirurgia bariátrica foi bem praticado pelos cirurgiões, entregando segurança e eficiência aos cuidados. No entanto, como manter o monitoramento e o aprimoramento dos resultados de forma contínua a partir dos marcadores da meta de cirurgia segura e do protocolo ACERTO?

Como avaliar o desempenho da Cirurgia Segura?

A mineração de processos é uma tecnologia que permite o mapeamento automático, controle e a implementação de melhoria contínua. Reconhecimento de padrões, eliminação de desperdícios e redução de variabilidade são alguns dos resultados alcançados por meio da mineração de processos.

A tecnologia UpFlux é a solução de mineração de processos somada à Inteligência artificial centrada em serviços de saúde. Plataforma analítica facilmente integrada a qualquer sistema de registro em saúde que permite a extração simples e ágil de todos os dados de forma organizada para aprimoramento do conhecimento e tomada de decisão.

Estruturada a partir de um time transdisciplinar formado  por médicos, cientistas de dados, enfermeiros e outros profissionais aptos e comprometidos com a qualidade e eficiência dos cuidados em saúde, a UpFlux segue os mais rígidos protocolos de segurança da informação e todos os princípios da LGPD aplicados a segurança dos dados.

Sair da versão mobile