Process Mining Efficiency

Blog

Saúde

 20 Julho, 2020

Gestão de pacientes crônicos - RN 452 e a gestão de linhas de cuidados


As operadoras de saúde têm trabalhado arduamente para ampliar a qualidade e segurança dos seus beneficiários. Orientados desde 2011 por meio da RN 277, padrões de excelência na gestão de saúde populacional e eficiência operacional tem sido constantemente aplicados na jornada dos beneficiários.

Desde março de 2020 a RN 277 foi substituída pela 452 e organizada em quatro capítulos chaves e centenas de padrões de excelência. Os padrões disponíveis são didaticamente descritos e orientados por justificativas que orientam a implementação.

Dentre os capítulos disponíveis destacamos o programa de gestão de do cuidado de condições crônicas de saúde. Organizado a partir de 17 padrões, 08 essenciais, 06 complementares e 03 de excelência.

A relevância deste tema se dá pelo alinhamento com os objetivos de desenvolvimento sustentáveis (ODS) das nações unidas. Destaca-se nesta temática o ODS 3 de assegurar uma vida saudável e promover o bem estar para todas as pessoas, em todas as idades.

O ODS 3 da saúde é orientado por 13 metas bem definidas em relação aos resultados esperados e prazo que vai até 2030.

As doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) como são conhecidas é também uma preocupação global. Diabetes, câncer, doenças pulmonares e cardiovasculares, juntas são responsáveis por 71% de todas as mortes do mundo segundo a OMS.

Dentre os padrões disponíveis destacamos alguns:

•    Análise do perfil epidemiológico e demográfico;

•    Linhas de cuidados e protocolos orientados ao perfil dos beneficiários;

•    Cobertura no mínimo de 20% da população alvo;

•    Monitoramento de desfechos;

•    Gestão de impactos econômicos.

Tamanha especificidade nos padrões só tende a agregar na segurança e experiência do beneficiário. Outros benefícios são a eficiência operacional e a excelência do modelo de gestão das operadoras de saúde.

Diante destes desafios como a tecnologia pode colaborar?

A mineração de processos focada nos sistemas de saúde tem colaborado de forma ágil e exponencial a entrega destes resultados. Colaborando por meio da análise de grande volume de dados é possível compreender a jornada do beneficiário a partir de diversas perspectivas.

Perfil epidemiológico, linhas de cuidados e gestão de custos são algumas das inúmeras aplicações da mineração de processos. Funcionalidades como descoberta de padrões, definição de modelos de melhores práticas e identificação precoce de falhas na jornada do paciente, podem tornar os desafios da RN 452 mais tranquilos.

A UpFlux domina a tecnologia de mineração de processos e conta com um time de cientistas de dados, profissionais da saúde e especialistas em modelos de melhoria prontos. Atuando em operadoras de saúde e hospitais, tem colaborado diariamente no alcance do ODS 3 e nos mais diversos desafios destas instituições de saúde.

O fato é que podemos colaborar ainda mais, inclusive com a sua instituição!

Ficou com dúvidas ou quer conhecer um pouco mais sobre a tecnologia?


Autor: UPFLUX

UPFLUX © 2019 by agentecria.com

Bitnami