Hospitais e Clínicas

5 medidas práticas para melhorar o atendimento hospitalar

9 de Março de 2022

• Tempo de leitura: 10min

Voltar

Garantir uma boa experiência e a segurança do paciente são premissas básicas do atendimento hospitalar. Em um momento de fragilidade do usuário do serviço de saúde, prezar pela qualidade do atendimento prestado faz toda a diferença: entendendo sua vulnerabilidade, fazendo com ele se sinta acolhido e, claro, fazendo o máximo para que seu tratamento seja efetivo.  

Estabelecer uma relação próxima e de confiança com o paciente transforma o atendimento hospitalar, beneficiando profissionais e usuários. Mas para que esse atendimento hospitalar seja, de fato, humanizado, algumas medidas devem ser adotadas ao longo da jornada do paciente, desde o momento da sua chegada.  

Nesse texto vamos abordar esse assunto e falar sobre cinco passos simples que você pode adotar para transformar a experiência do paciente com o atendimento hospitalar da sua instituição.  

A análise da jornada do paciente e o atendimento hospitalar 

Desde o momento em que o paciente chega na instituição de saúde, avaliar seus passos e necessidades se torna o ponto principal para que o desfecho do seu caso seja positivo. Isso significa que um acompanhamento mais preciso do seu caso irá transformar a experiência do usuário durante o atendimento hospitalar. 

Adotar medidas para monitorar e controlar as necessidades de exames, medicamentos, variabilidades ou outros pontos importantes da jornada do paciente tornam os processos muito mais seguros para ele, e rentável para a instituição, já que reduz custos evitáveis, e muito mais produtivo para os profissionais que exercem seu papel com maior precisão. 

Ao final do dia, a monitoração da jornada do paciente será o motor para a mudança de um atendimento hospitalar básico, para algo que realmente transforme o contato do paciente com a sua instituição em uma experiência positiva. 

No entanto, outras ações de suporte muito simples farão com que sua instituição chegue à excelência em processos para garantir o melhor atendimento hospitalar. Falaremos no tópico a seguir. 

5 passos para melhorar o atendimento hospitalar 

Como citamos, a monitoração da jornada do paciente é o primeiro ponto para melhorar o atendimento hospitalar. Mas, para além disso, existem soluções de suporte muito simples que irão transformar a experiência do paciente durante o atendimento hospitalar. São elas:  

Ter um ambiente adequado, confortável e amigável 

Um hospital recebe diariamente centenas de pessoas com vulnerabilidades. Prezar pela higiene, acolhimento e conforto dessas pessoas é essencial para que esse espaço promova um bom atendimento hospitalar.  

Assim, pensar ações para promover o conforto e segurança, bem como criar mecanismos que tornem o atendimento muito mais amigável é de extrema importância para que o tratamento seja positivo para o paciente. Além disso, ações básicas de higiene são cruciais nesse processo.  

Muitas instituições sofrem com o desafio de manter os pacientes longe do risco de contaminações. Adotar protocolos de higiene nas instituições é muito mais do que simplesmente manter um ambiente limpo, é garantir a qualidade de vida e segurança do paciente.  

Leia nosso conteúdo especial sobre 6 protocolos de segurança do paciente  

Atendimento humanizado 

O acolhimento dos profissionais com os pacientes faz toda diferença no atendimento hospitalar. Garantir que o suporte emocional, de forma humanizada, seja acompanhado de um bom desempenho técnico transforma a experiência do paciente durante o tratamento.  

De acordo com o Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar, do Ministério da Saúde, “a humanização é entendida como valor, na medida em que resgata o respeito à vida humana. Abrange circunstâncias sociais, éticas, educacionais e psíquicas presentes em todo relacionamento humano. Esse valor é definido em função de seu caráter complementar aos aspectos técnico-científicos que privilegiam a objetividade, a generalidade, a causalidade e a especialização do saber”.   

E segue dizendo que “A humanização em saúde é resgatar o respeito à vida humana, levando-se em conta as circunstâncias sociais, éticas, educacionais e psíquicas presentes em todo relacionamento humano”.  

Tomada de decisão guiada por dados 

Subjetividade de pontos de vista na tomada de decisão implica diretamente na queda de qualidade do atendimento hospitalar. Analisar indicadores de desempenho e ter uma estratégia data driven colaboram com a visualização crítica sobre as ações que estão sendo realizadas.  

A análise de dados, nesse sentido, permite que o gestor entenda onde estão seus pontos de erros, desvios e gargalos no processo e promova ações de melhoria que impactarão diretamente na qualidade do atendimento hospitalar. Além disso, o monitoramento dos indicadores da instituição permite que o time tenha uma visão clara sobre metas atingidas e o uso de recursos.  

Leia nosso artigo sobre 6 indicadores hospitalares para melhorar a gestão em saúde  

Profissionais especializados  

O setor de saúde é uma área que não abre margem para erros e pessoas pouco preparadas. Assim, estar em constante atualização e aprendizado é essencial e indispensável para quem quer se manter nesse ramo.  

Uma forma de aprimorar o desenvolvimento desses profissionais é a busca por literaturas especializadas, estudos de casos similares em hospitais de destaque, especializações em instituições de ensino, entre outros métodos.  

É também papel da gestão hospitalar organizar ações que promovam o desenvolvimento da equipe assistencial, afinal, profissionais especializados garantem um atendimento hospitalar muito mais efetivo e permitem que a organização se destaque de diferentes maneiras na comunidade em que está inserida.  
 

Investimento em tecnologia  

A transformação digital é uma realidade dentro das instituições de saúde. Adequar-se a esse momento virou uma necessidade nos hospitais para melhorar o trabalho dos profissionais e proporcionar um atendimento hospitalar mais adequado aos pacientes.  

Pensar em soluções tecnológicas proporciona mais produtividade ao trabalho diário, redução de custos hospitalares, e uma visão mais ampla sobre os desafios do dia a dia nas instituições de saúde. No mercado, atualmente, existem milhares de soluções, para diferentes setores, que podem auxiliar os profissionais de saúde a garantir um atendimento hospitalar otimizado.

atendimento hospitalar

De maneira resumida, a otimização do atendimento hospitalar passa por desafios assistenciais, de gestão e estruturais. Pensar em soluções para aprimorar esse quesito é garantir uma imagem muito mais positiva do paciente sobre a instituição, adotar requisitos para conquistar acreditações e, claro, assegurar que o paciente irá sair do seu hospital muito melhor do que entrou.  

Quer saber mais sobre como a tecnologia pode auxiliar no atendimento hospitalar? Conheça nossa solução de Process Mining e descubra diferentes suportes que a plataforma pode dar a sua organização para melhorar esse cenário.  


Postagens Relacionadas